Sábado, 09 de Outubro de 2010

 

 

 

 

 

Perdoem-me não ter andado por estas bandas,mas tive de me despedir de tudo o que me pertence neste meu lugar para partir para um mundo novo: Universidade

Demorei-me a despedir das coisas que me fazem sentir única: o cantar dos pássaros e dos grilos,a paz do campo, as tardes passadas a ver o pôr-do-sol e as noites em que ia ter contigo...

Partir para um mundo novo?não estava preparada,acontecera demasiado depressa!Deixar-te aqui foi o que mais me custou: após uma noite repleta de juras de amor, de paixão e de descanso e felicidade,a despedida foi uma tortura..

As lágrimas deslizaram silenciosamente pela minha face,enquanto te olhava para lá do corpo,enquanto gravava no meu coração cada traço do teu rosto,cada olhar teu...

As saudades roem o meu interior, como um rato rói um petisco e eu insisto para que os dias passem depressa,apenas para te ver ao longe quando chegasses,encurtar a distância com uma corrida e finallizar com um abraço do tamanho do amor que te devoto...

Mas enquanto não chegas, percorro as ruas da cidade ao anoitecer,enquanto observo a vista,na esperança de que da próxima vez,estejas a meu lado...

 

 


"Deste-me mais vezes a mão do que pensas. E a minha mão está sempre aqui para ti. Estarei sempre pronta a ajudar-te, querido, e quando a vida for triste para ti, por maior que sejas, por mais idade que tenhas, por mais rabugento ou desapontado que estejas, podes sempre gatinhar para o meu colo e ai ficares."


tags: ,
Feelings: in love
Song: Pedro Abrunhosa-Tudo o que eu te dou

publicado por merosrabiscos às 01:34
"A escrita é a pintura da voz." (Voltaire)
mais sobre mim
Outubro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


pesquisar neste blog
 
Visits
My music
subscrever feeds
blogs SAPO