Quarta-feira, 04 de Novembro de 2009

 Sei que é inútil, mas esta ínfima esperança de que abras os olhos e percebas que continuo à tua espera não desaparece!

  Debato-me todos os dias com a saudade, e o vazio, pedindo para desaparecerem e deixarem-me em paz, mas não adianta, não partem! E tu, a única pessoa que eu não queria que partisse, desapareceste como se nunca aqui estivesses estado...

  O vento traz-me o teu cheiro, o teu riso, e o teu coração, avisando-me de que ele palpita por outra alma que também te ama, apenas para me deixar ainda mais em baixo, ainda mais desamparada..

 Mas o estranho é que continuo a reagir às meras coisas da vida como se ainda me pertencesses, imagino que observas os meus passos, as minhas atitudes, as minhas reacções, todos os dias..

  Talvez com isto percebas que não sei viver sem ti, nem muito ,nem pouco, nem nada...


Feelings: Irreal
Song: Um Sinal de Ti- Xutos e Pontapés

publicado por merosrabiscos às 20:40
"A escrita é a pintura da voz." (Voltaire)
mais sobre mim
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12

16
17
18
19
20
21

22
24
25
27
28

29


pesquisar neste blog
 
Visits
My music
blogs SAPO